sábado, 1 de novembro de 2008

Pequenas provas de paciência


“E, na verdade, toda correção, ao presente, não parece ser de gozo, senão de tristeza, mas, depois, produz um fruto pacífico de justiça nos exercitados por ela...”
Hebreus 12:11


PEQUENAS PROVAS DE PACIÊNCIA

Nossa vida cotidiana abunda em pequenas provas e desgostos de toda espécie. Uma palavra grosseira, uma falta de respeito, uma ingratidão fazem surgir nossa ira. O caráter difícil de um cônjuge, prejuízo causado por negligência, contratempo que transtorna nossos projetos são outros obstáculos às vezes mais perigosos para nossa fé que as perseguições do tempo dos mártires.

Talvez sejam apenas pequenas provas, mas, justamente por causa da insignificância delas, aliada à freqüência com que ocorrem, é que nos incomodam e triunfam sobre nossas intenções de andar "dignamente diante do Senhor, agradando-lhe em tudo, frutificando em toda boa obra e crescendo no conhecimento de Deus" (Colossenses 1:10).

Como a salvação que Cristo nos dá é perfeita, estes pequenos problemas também são de Sua alçada. Temos de encontrar nEle o recurso suficiente e eficaz para que o sofrimento não seja causa de desalento ou derrota, mas que se transforme em bênção para nós.
Deveríamos considerar cada provação, pequena ou grande, como uma mensageira de Seu amor. Quando pudermos receber como uma prova do amor divino tudo o que nos faz sofrer, venha de onde vier, teremos a devida atitude para suportar o sofrimento. E toda a nossa vida certamente mudará.

"Ainda que agora importa, sendo necessário, que estejais por um pouco contristados com várias tentações, para que a prova da vossa fé, muito mais preciosa do que o ouro que perece e é provado pelo fogo, se ache em louvor, e honra, e glória na revelação de Jesus Cristo" (1 Pedro 1:6-7).

Fonte:
Ministério Chamada da Meia-Noite


*


sábado, 1 de novembro de 2008


Print or Generate PDF

0 comentários:

Postar um comentário

Comentário









Certidão Criminal Negativa
Dicionário Bab.La