terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Paulo em Atenas

Porque, passando eu e vendo os vossos santuários, achei também um altar em que estava escrito: AO DEUS DESCONHECIDO. Esse, pois, que vós honrais não o conhecendo é o que eu vos anuncio (Atos 17:23).

PAULO EM ATENAS


Quando os atenienses levaram Paulo ao Areópago (ou campo de Marte), ali ele proferiu seu famoso discurso. Ele manteve os olhos abertos ao passear pela cidade; agora comentava o que tinha visto. Os gregos eram supersticiosos (v. 22), pois tentavam agradar os vários deuses, erigindo altares e templos (só os olímpicos, seus deuses principais, eram doze!). Havia testemunho suficiente da "devoção" daquele povo. Então o apóstolo se referiu a um altar em particular, dedicado ao "Deus desconhecido". Será que eles poderiam ter esquecido um deus? E que valor tem uma religião que deixa as pessoas ignorantes acerca de Deus, do caminho da salvação e que motiva a construir um altar por medo de negligência? Até os doze deuses olímpicos eram pura invenção, uma expressão da ignorância humana.

Paulo disse aos atenienses: "O Deus que fez o mundo e tudo que nele há, sendo Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens. Nem tampouco é servido por mãos de homens, como que necessitando de alguma coisa; pois Ele mesmo é quem dá a todos a vida, a respiração e todas as coisas" (vv. 24-25).

Paulo tinha a segurança de que sua mensagem não era baseada em idéias humanas, mas em revelação divina. O conhecimento do único Deus verdadeiro destrona todos os ídolos, quer antigos ou modernos.


Fonte:
Ministério Chamada

- Você é um cristão de acordo com a Bíblia? Assegure-se acessando a postagem: “
A principal pergunta: Como me torno um cristão?"


*


terça-feira, 10 de fevereiro de 2009


Print or Generate PDF

0 comentários:

Postar um comentário

Comentário









Certidão Criminal Negativa
Dicionário Bab.La