segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

A videira e as varas

Eu sou a videira, vós, as varas; quem está em mim, e eu nele, este dá muito fruto, porque sem mim nada podereis fazer (João 15:5).

A VIDEIRA E AS VARAS (JOÃO 15:1-6)


"Em todo o mundo vegetal - escreveu certo autor cristão - não existe nenhuma árvore que ilustre de maneira mais patente a relação do homem com Deus que a videira. Não há nenhuma outra cujo fruto e suco sejam tão vivificantes e estimulantes. Mas tampouco existe outra cuja tendência natural seja tão profundamente má, outra cujo crescimento produza logo tanta lenha, que somente serve para ser jogada no fogo. De todas as plantas, a videira é a que mais precisa da podadeira de maneira tão implacável e incessante. Nenhuma é tão dependente dos cuidados de quem a cultiva."

É compreensível, portanto, que Jesus tenha usado a imagem da videira para ensinar uma dupla e importante lição. Ele mesmo diz ser a cepa, o tronco da videira; os nascidos de novo são as varas, ou seja, os ramos. É óbvio que o ramo de uma árvore só vive e produz fruto se estiver ligado ao tronco, recebendo a seiva que circula na árvore.

"Estai em mim", disse Jesus (o ramo ligado à videira), "e eu, em vós" (a seiva que circula no ramo): esta é a primeira condição para dar fruto. "Porque sem mim nada podereis fazer", confirma o Senhor aos Seus discípulos.

Em segundo lugar, os cristãos precisam de uma competente e cuidadosa poda do grande Agricultor, o Pai, para que frutifiquem.

"Toda vara em mim que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto" (v. 2).

"Assim, toda árvore boa produz bons frutos" (Mateus 7:17).



Fonte:
Ministério Chamada

- Você é um cristão de acordo com a Bíblia? Assegure-se acessando a postagem: “
A principal pergunta: Como me torno um cristão?"


*


,

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009


Print or Generate PDF

0 comentários:

Postar um comentário

Comentário









Certidão Criminal Negativa
Dicionário Bab.La