quinta-feira, 12 de agosto de 2010

A prova do vento



Quem pode entender os seus erros? Expurga-me tu dos que me são ocultos (Salmo 19:12).

Não sabeis que um pouco de fermento faz levedar toda a massa? (1 Coríntios 5:6).


A PROVA DO VENTO


A mais bonita árvore do jardim foi derrubada por uma tempestade. Ao cair fez um barulho horrível. Quando tudo se acalmou, o dono foi verificar a extensão dos estragos. Conforme examinava o tronco, percebeu que a tempestade não foi a única causa para a queda. O interior do tronco estava corroído por uma doença.

Ele se lembrou de que aos dez anos de idade cortara a casca com um machado. Naquela época a árvore era bem pequena. Mas o dano teve suas conseqüências: algum tipo de doença se instalou. Ela começou a apodrecer internamente. A árvore cresceu e aparentava ser forte. Então chegou o dia em que o vento a testou e expôs publi¬camente sua podridão escondida.

Os cristãos também podem cair por causa de pequenas faltas e concessões morais. Maus hábitos corroem a fibra espiritual. Pecados secretos, pensamentos deturpados e consciência endurecida ajudam a enfraquecer nossa resistência ao mal. Como é imperativo esqua¬drinhar os recantos do nosso coração e permitir que Deus nos limpe dos pecados escondidos! Mas certas medidas preventivas são necessárias: oração, leitura da Bíblia, comunhão com o Senhor e com os irmãos. E assim, quando o vento nos provar, estaremos firmes e resistiremos às tempestades.

Fonte: Ministério Chamada.com.br


quinta-feira, 12 de agosto de 2010


Print or Generate PDF

0 comentários:

Postar um comentário

Comentário









Certidão Criminal Negativa
Dicionário Bab.La