segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

As secas e a esperança

Por James Kelso Clark Nunes

Há séculos os estados nordestinos têm sido periodicamente atingidos  por secas decorrentes da falta ou da má distribuição de chuvas. Diante de calamidades, pesa sobre rotarianos e Rotary Clubes a responsabilidade de oferecerem às comunidades prejudicadas os serviços
profissionais a seu alcance. 


Participando do movimento rotário há 65 anos (em 3.9.2016), tenho observado importantes ações de rotarianos de Fortaleza e de Recife sobre o grave problema.  

Apresento a seguir um resumo de ocorrências e atividades desenvolvidas a respeito desde 1951, assim como uma perspectiva sobre o futuro, baseada em uma viva esperança de dias melhores - dependendo de decisões e atitudes de governos e empresários.  

Há 65 anos - Pesquisas sobre NUCLEAÇÃO ARTIFICIAL DA ATMOSFERA foram iniciadas em Fortaleza, em 1951, pelo Professor e Cientista João Ramos Pereira da Costa, em companhia do Eng. Janot Pacheco e dos Agrônomos Abner Gondim e Mauro Botelho. Eles experimentaram gelo seco, iodeto de prata, negro de fumo (fuligem) e cloreto de sódio, pulverizando-os nas nuvens em aviões da FAB. Numerosas semeaduras foram realizadas, tendo a solução à base de cloreto de sódio apresentado os resultados mais
satisfatórios.

Há 58 / 55 anos - O Prof. João Ramos contou com o apoio do rotariano Antônio Martins Filho, Reitor da Universidade Federal do Ceará, que, reconhecendo a validade das pesquisas, criou em 1958 o Bureau de Estudos das Secas. Este veio a ser substituído em 1961 pelo Instituto de Meteorologia, sob a direção do mencionado cientista. A colaboração do Cel. Av. Ovídio Gomes Pinto, então Cte. da Base Aérea de Fortaleza, foi inestimável. Lauro Martins e outros rotarianos do Rotary Club de Fortaleza-Oeste também
estimularam a prática da semeadura de nuvens.

Há 57 / 44 anos - Além do Ceará, entre 1959 e 1973 os seguintes estados (por ordem cronológica) foram beneficiados com chuvas provocadas pela equipe do Prof. João Ramos: Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Alagoas, Sergipe e Bahia.  
Em 1972 a atividade de nucleação saiu do âmbito da Universidade Federal do Ceará, quando o Governador César Cals de Oliveira Filho criou a Fundação Cearense de Meteorologia e Chuvas Artificiais – FUNCEME. 
Na época ele recebeu inestimável apoio da Associação Comercial do Ceará, nas pessoas dos rotarianos Antônio Gomes Guimarães e Henrique Peltesohn, tendo este sido nomeado Presidente da nova fundação e adquirido na Inglaterra os primeiros aviões para semear nuvens, sob a orientação técnica do Prof. João Ramos.

Há 35 anos - Conforme noticiado pela revista VISÃO de 9.3.1981, o Instituto de Atividades Espaciais, de São José dos Campos, obteve 670 chuvas dentre 737 nuvens nucleadas no Nordeste por aviões (pilotados por oficiais da FAB) em experiências do Projeto MODART. 
Agora em 2018 faço uma observação: se hoje alguém realizasse 100 voos de nucleação e obtivesse 91 chuvas caídas das nuvens nucleadas - 91% - quem tomasse conhecimento do fato haveria de concordar com a eficácia das nucleações; pois bem, isso aconteceu  sete
vezes em 1981 (737 nuvens e 670 chuvas)! Quem deu essa contribuição ao
Brasil foi o Ministério da Aeronáutica.

Há 33 anos - Os Presidentes dos 9 Rotary Clubes sediados em Fortaleza em 1983 formalizaram perante o Governador do Ceará a sugestão de que os Governadores de todos os Estados do Nordeste pedissem ao Presidente da República a ordem e os meios para o DNOCS - Departamento Nacional de Obras Contra as Secas - implementar o Projeto MODART.

































A validade daquela iniciativa do Rotary pode ser medida pelo seguinte fato: em 23.8.1983 o Senador Alberto Silva disse no Senado
Federal:

 “É de estarrecer que o Governo já tenha gasto mais de 500 bilhões de Cruzeiros só para manter vivos os flagelados da seca e se negue a reservar 35 bilhões para que o CTA monte no Nordeste as 11 bases de seu programa MODART e equipe 24 aviões para fazê-lo funcionar.”




Há 23 anos - Em Fortaleza, n’O Povo de 3.4.93, lê-se o seguinte na coluna de Joelmir Beting: “A seca vai muito bem, obrigado. E os que exploram o repasse de recursos, também. A falta de chuvas alcança, em abril, dois terços do território nordestino. São 10,5 milhões de brasileiros sem água até para beber.”


Naquele mesmo ano o Prof. Eudes de Souza Leão Pinto, Governador do Rotary, pronunciou magistral exortação sob o título “Rotary e o clamor das secas”, num fórum realizado em Recife. Dela cito as seguintes frases:
Rotarianos somos por consciência de nossas responsabilidades perante as nossas famílias, as nossas comunidades, as municipalidades, os Estados, as Nações e a humanidade.  Rotarianos somos por possuirmos a coragem de lutar pelas causas do bem, da verdade, da justiça e da fraternidade, com disponibilidade de propósitos para servirmos às mais nobres que atendem aos superiores anseios e interesses da coletividade.” E mais: “ ...impõe-se-nos o reconhecimento de todas as oportunidades condizentes com os estudos científicos e tecnológicos já realizados, ....”  “Assim podemos estar seguros da contribuição rotária a ser oferecida em favor das soluções dos problemas das secas, em busca de uma convivência pacífica e operosa dos seres humanos com a natureza,...


Há 4 / 3 anos - No Diário do Nordeste (de 17.10.2012) escrevi um pequeno artigo sobre Secas x Chuvas. Dele transcrevo as seguintes frases : “Como é melhor acender uma vela no escuro do que maldizer a escuridão, espero que as recordações acima comentadas possam iluminar, como a fraca luz de uma velinha, a escuridão da seca que nos envolve e, consequentemente, possam motivar pessoas da atual geração, nas áreas pública e privada, a investigar as possibilidades modernas de semear nuvens para colher chuvas. Seria injustificável relegar ao esquecimento assunto tão sério e importante sem discuti-lo adequadamente com pessoas credenciadas, no Brasil ou no Exterior.”  
Em 1.2.2013 dois rotarianos (o Eng. José Rêgo Filho e eu) acompanhamos o Dr. João Porto Guimarães, Presidente da Associação Comercial do Ceará, quando a tradicional entidade formalizou perante o Diretor Geral do DNOCS a sugestão de que o referido órgão viesse a ser o indutor do processo de nucleação de nuvens para a obtenção de chuvas. A ausência de resposta revela o descaso do Governo Federal daquela época pelo grave problema das secas, que estava prejudicando não só a nossa mas também as principais regiões brasileiras.

AVIAÇÃO - VALIOSA ARMA NO COMBATE ÀS SECAS - Havendo eu escrito
um livro, em 2014, sob o título COMPARTILHANDO RIQUEZAS DE VIDA - resolvi delegar a ele o dever patriótico de proclamar, perante quem o ler, uma ideia cuja essência é a melhoria de vida dos brasileiros com abundância de chuvas - despejadas pelas nuvens naturalmente ou estimuladas pela nucleação.  Assim, quando eu não mais puder fazê-lo em pessoa, a semente plantada através daquele livro poderá germinar a fim de proclamar que, de fato, a Aviação é uma valiosa arma no combate às secas. Os leitores que tiverem interesse em conhecer os subsídios nele contidos (na parte NA ERA DA AVIAÇÃO) poderão receber uma “separata” do citado capítulo. Ela poderá ser enviada a quem a solicitar pelo seguinte endereço: jkc.nunes@gmail.com

Situação atual no Brasil e no mundo - No Ceará permanece a suspensão da atividade de estudos e operações em semeadura de nuvens.

Em Pernambuco  a Universidade Federal e o  Conselho Regional de Engenharia e Agronomia - CREA tiveram a feliz ideia de iniciar a publicação de CADERNOS DO SEMIÁRIDO. No volume 1 (Dez. 2014/Jan. 2015) o Engenheiro e Professor Mário de Oliveira Antonino (Presidente 2013/15 do Colégio Brasileiro de Diretores do Rotary International) escreveu esclarecendo os motivos que o levaram, juntamente com outros nordestinos que honram o Brasil com suas vidas enquanto dignificam suas profissões, a tomar essa posição cívico-patriótica. Transcrevo o seguinte trecho: “Estamos numa era moderna onde os drones já são uma realidade. A inovação tecnológica tem de ser explorada urgentemente para a atividade rural ser praticada com orgulho e claras vantagens econômico-sociais.”

No Brasil, a seguinte frase da revista Veja (de 29.10.14) resume a situação que marcou aquela época: “Com os reservatórios em seus patamares historicamente mais baixos, o Brasil começa a conviver com a assustadora sombra da escassez do líquido insubstituível, sem o qual não há vida e a economia para.” 






No Exterior, 52 países realizam pesquisas de modificação artificial do tempo e programas operacionais de semeadura de nuvens. No tecnologicamente mais avançado do mundo - em 10 Estados americanos - 39 programas são realizados. Estes dados me foram  repassados por um amigo que é Doutor em Física com Pós-doutorado em Física de Nuvens – o conceituado Prof. José Carlos Parente de Oliveira.  




Conclusão: Quando eu era menino - num Nordeste carente de luz e força - muitas vezes ouvi meu pai reclamar contra o desperdício das águas do rio São Francisco antes da grande hidroelétrica de Paulo Afonso ser construída. Hoje meus filhos e netos me ouvem reclamar contra o desperdício das águas das nuvens que, não tendo sido nucleadas, apenas passaram por cima... “e o vento levou...

Espero que este alerta venha a ser aproveitado por muitos brasileiros que, tomando conhecimento do problema, se disponham a exigir urgentes e adequadas providências dos governos federal, estaduais e municipais - “antes tarde do que nunca”. .

.............................................................................................................................


*  O autor, de 91 anos, foi Governador (1987/88) do Distrito 4490 do ROTARY INTERNATIONAL  (clubes do Ceará, Piauí e Maranhão) e desempenhou missões rotárias no Brasil e no Exterior.
** Publicado originalmente no blog Riquezas de Vida.

domingo, 9 de dezembro de 2018

Seriado Mathnet

Elenco do Mathnet - Prontos para calcular!

Para uma certa geração, os detetives mais emblemáticos da história não são Sherlock Holmes e Watson - eles são Kate Monday e George Frankly.

De 1987 a 1992, um segmento chamado "Mathnet" foi a melhor razão para assistir ao programa matemático da Square One, da PBS. Tinha piadas incríveis, atuação incrível e, se houvesse tempo, até um pouco de matemática.

O único problema é que a maioria dos espectadores do programa era jovem demais para perceber o quão incrível era. Felizmente, agora estamos todos com idade suficiente para descobrir o drama dos bastidores (como por que Pat Tuesday substituiu Kate Monday), compreender as referências surpreendentes e descobrir qual show pode ter colocado "Mathnet" fora do ar.

Ao descobrir esses mistérios "Mathnet", tente ser guiado pelo famoso lema da série: "Cogitar e resolver".

Mais detalhes estão na página: 9 facts only Mathnet fans will care about



sexta-feira, 16 de novembro de 2018

Cuidar da saúde não é tão difícil

quinta-feira, 15 de novembro de 2018

Videoaulas de Matemática e Física


Há disciplinas que são especialmente desafiantes, seja no nível fundamental, médio ou superior. Nesses casos, convém pesquisar na internet os canais que oferecem dicas e exercícios para facilitar a compreensão dessas matérias.

O canal do Prof. Fernando Grings foi uma recomendação de um aluno do curso de Ciências Atuariais da UFC. A seguir, uma videoaula de exemplo, e clicando na imagem acima pode-se acessar o site "O Matemático" do mesmo professor.


domingo, 22 de julho de 2018

Portadora de síndrome incurável, que cogitou em eutanásia, tem uma reviravolta em sua vida

Letícia e seu esposo, Guilherme Viñe

Letícia Franco, médica oftalmologista de 37 anos, há oito anos sofria com os sintomas da Síndrome Asia, uma doença rara que debilita seus portadores de forma muito dolorosa. Por estar desgastada com a baixa qualidade de vida, Letícia tinha feito os arranjos com uma clínica na Suíça para ter uma morte assistida, a eutanásia.

Entretanto, ao escrever uma carta de despedida a amigos e familiares em uma rede social, dois fatos bem surpreendentes aconteceram: a reaproximação de um antigo amor, seu atual esposo Guilherme Viñe, e o oferecimento da médica Maria Emília Gadelha Serra, uma especialista na terapia de ozônio que atua em São Paulo. A Dra. Maria Emília ofereceu gratuitamente uma terapia alternativa complementar com ozônio.

Os resultados da terapia no corpo de Letícia têm sido muito positivos, o que propiciou uma melhora no seu quadro geral de saúde.

Mais detalhes sobre essa bela história podem ser checados na matéria do site Livre [
nesse link].

A vida é um dom precioso de Deus. Há jornadas pessoais muito difíceis, com certeza, mas ninguém deve buscar o caminho do suicídio. Para vencer o desespero, a saída é buscar forças e direção com o Criador dos céus e da terra, por meio de sua Palavra - a Bíblia:


Vinde a Mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e Eu vos aliviarei.
Tomai sobre vós o Meu jugo, e aprendei de Mim,
que sou manso e humilde de coração;
e encontrareis descanso para as vossas almas.
Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.
SENHOR JESUS CRISTO - Mateus 11:28-30

sexta-feira, 13 de julho de 2018

Concurso na UFC - nível médio e superior


A Universidade Federal do Ceará lançou, no último dia 13, três editais de concurso público para cargos técnico-administrativos. Nessa segunda-feira (23), publicou novos editais que ampliam o número de vagas para o cargo de assistente em administração e alteram o calendário para concorrentes aos demais cargos. No total, são ofertadas agora 34 vagas, das quais 11 são destinadas a candidatos com nível superior e 23 a candidatos com nível médio. Os aprovados serão lotados em campi de Fortaleza, Quixadá e Russas.
A inscrição deve ser feita, exclusivamente via Internet, no site da Coordenadoria de Concursos (CCV), mediante o preenchimento do formulário de solicitação de inscrição e o envio dos dados à CCV, no período compreendido entre as 8h do dia 1° de agosto e as 23h59min do dia 12 de agosto de 2018, observado o horário de Fortaleza.
Edital nº 140/2018, alterado pelo Edital nº 147/2018, oferta agora 19 vagas para o cargo de assistente em administração, com exigência de nível médio. Dessas vagas, 11 são para ampla concorrência, 4 são reservadas para pessoas com deficiência e 4 para pessoas negras, conforme determina a legislação. Os aprovados serão lotados em Fortaleza. A taxa de inscrição é R$ 90,00 e a remuneração, por um regime de 40 horas semanais de trabalho, será no valor de R$ 2.904,96.
Edital nº 141/2018, alterado pelo Edital nº 144/2018 e pelo Edital nº 145/2018, abre 4 vagas de nível médio: 3 são para cargos a serem lotados em Fortaleza (técnico de laboratório / eletrônica; técnico em anatomia e necrópsia; e técnico em enfermagem / esterilização) e 1 é para o Campus da UFC em Russas (técnico em edificações). A taxa de inscrição é R$ 90,00 e a remuneração, por um regime de 40 horas semanais de trabalho, será no valor de R$ 2.904,96.
Edital nº 142/2018, alterado pelo Edital nº 143/2018 e pelo Edital nº 146/2018, apresenta 11 vagas para cargos de nível superior, sendo 10 para Fortaleza (analista de tecnologia da informação, único com 2 vagas; arquiteto e urbanista; contador; economista; enfermeiro / enfermagem em clínica médica; engenheiro agrônomo; médico veterinário; museólogo; e técnico desportivo) e 1 para o Campus da UFC em Quixadá (engenheiro / engenharia da computação). A taxa de inscrição é R$ 120,00 e a remuneração do aprovado, com regime de 40h semanais de trabalho, será R$ 4.638,66.
ISENÇÃO DA TAXA ‒ O pedido de isenção do pagamento da taxa de inscrição poderá ser feito exclusivamente via Internet, no site da CCV, mediante o preenchimento do formulário de solicitação, no período compreendido entre as 8 horas do dia 23 de julho e as 23h59min do dia 25 de julho de 2018, observado o horário de Fortaleza.
Informações detalhadas sobre documentação exigida, calendário, programa das provas e outros dados sobre o processo seletivo podem ser acessados nos editais que estão disponíveis no site da CCV.
Fonte: Coordenadoria de Concurso da UFC ‒ fone: 85 3366 9522

terça-feira, 10 de julho de 2018

Bisfenol A, você já ouviu falar dele?





O Bisfenol A, também conhecido pela sigla BPA, é um composto muito utilizado para fazer plásticos de policarbonato e resinas epoxi, sendo comumente utilizado em recipientes para armazenar comida, garrafas de água e de refrigerantes e em latas de alimentos em conserva. No entanto, quando esses recipientes entram em contato alimentos muito quentes ou quando são colocados no micro-ondas, o bisfenol A presente no plástico contamina o alimento e acaba sendo consumido juntamente com a comida.

Além de estar presente em embalagens de alimentos, o Bisfenol também pode ser encontrado em brinquedos de plástico, produtos de cosmética e papel térmico. O consumo excessivo dessa substância tem sido ligado a maiores riscos de doenças como câncer de mama e de próstata, mas são necessárias grandes quantidades de bisfenol para se ter esses prejuízos na saúde.

Nos videos a seguir há alguns esclarecimentos.






Precisamos tomar os cuidados mencionados nos videos a fim de nos protegermos desse danoso elemento.


Fonte: Site Tua Saúde

quarta-feira, 13 de junho de 2018

Culinária saudável para adultos e crianças


Um importante caminho para a prevenção de câncer e outras doenças é estarmos atentos ao que colocamos em nossas mesas. Pensando nisso, o A.C.Camargo Cancer Center criou, em 2009, a Oficina de Culinária Funcional. É uma promoção de seu departamento de Nutrição. As aulas são gratuitas e abertas a toda a comunidade, não somente aos pacientes e cuidadores do Hospital, porém são realizadas em São Paulo (vide link).

São disponibilizaodos dois livros com temas voltados à alimentação preventiva de câncer, controle de diabetes, hipertensão, celíase (intolerância ao glúten), intolerância à lactose, dentre outros. Clique nas figuras abaixo para acessar os conteúdos.


Fonte: A. C. Camargo Câncer Center